terça-feira, 9 de dezembro de 2008

MITOlogicamente criado.

Deve ter sido uma dádiva dos deuses do Olimpo, aquela que foi concedida aos responsáveis do centro de estilo da Alfa Romeo, obrigação, apenas uma, tinham de conseguir criar um Mito dentro do próprio mito. Conseguiram? Ainda é cedo para saber. Mas uma coisa posso garantir, não sei se este pequeno pedaço de alma italiana quer ser um MITO, mas um Alfa Romeo quer de certeza.

Por fora.
A suas curvas não enganam, e recorrendo ao seu DNA, temos a certeza que estamos perante o filho primogenito do fabuloso 8C Competizione, a parte frontal arrebata-te, a traseira deixa-te de rastos, observando o resto das suas linhas damos conta que estamos na presença de um adolescente, irreverente, corajoso e que sonha todos os dias em ser como o seu pai, esse sim o último mito da casa de Arese.
Comportamento.
Comporta-se tal e qual um adolescente, é calmo, compreensivo e de repente torna-se agressivo conseguindo mesmo faltar ao respeito aos mais velhinhos, deixando estes à beira de um ataque de nervos, e tudo por culpa da patilha da adolescência (DNA) que dá ordens diferenciadas aos 155Cv italianos do motor 1.4 TB, no adolescente os acontecimentos diários mudam a sua atitude e humor, no MITO também, o sistema Dynamic, Normal, e All Weather (DNA) foi desenvolvido exactamente para que o rapazinho possa ter os seus caprichos, porque se agora está calmo, ao leve toque de uma patilha, quer apenas tornar-se rebelde.
Por dentro.
Por dentro o MITO continua a ser um jovem, tem um guarda-roupa vasto com algumas opções interessantes, dependendo do nível de equipamento escolhido, o Progression, ou o Distinctive.
A posição de condução é confortável, sendo no entanto um pouco alta, perdendo desta forma algum cariz desportivo que está amplamente vincado neste pequeno bólide, é claro que este defeito pode ser rápidamente rectificado coma aquisição de mais um adereço para o pequeno benjamim, falo dos bancos com aspecto de baquets disponíveis nas versões mais equipadas.

Por fim.
A atracção existe desde o inicio do encontro, entre homem e máquina cria-se uma relação de proximidade, o teste termina, e a vontade que fica é a de me tornar parte o MITO. É bonito, é irreverente, faz-nos sentir eternamente jovens e consegue transformar-nos num piloto de uma qualquer fórmula existente no desporto motorizado.

A Alfa dá a escolher.

1.4 TB Pogression 23200 €uros
1.4 TB Distinctive 24400 €uros
1.6 JTDM Progression 23250 €uros
1.6 JTDM Distinctive 24550 €uros
1.3 JTDM Fevereiro 2009
1.4 120cv Fevereiro 2009
1.8 Turbo 230cv Julho 2009

Equipamento de série.
Controlo de estabilidade e tracção, sistema electrónico Q2, direcção electrónica activa (DST), Rádio c/CD e MP3, ar condicionado manual, airbags frontais, laterais e de cortina, airbag para os joelhos do condutor, vidros eléctricos, fecho central de portas com comando, computador de bordo.

2 comentários:

Waveboard disse...

Bom trabalho primo, bom blog.

Parabéns.

JP

Dialógico disse...

É a mistica do Alfa que continua.
The Show must go on!

Gostei deste Blog!

Luís Mourinha